quarta-feira, 11 de dezembro de 2013

O surgimento do Informativo Cultural


No dia 13 de julho de 1988, nascia, em Feira de Santana,  o “Informativo Cultural”, um tabloide semanal, fundado por Tião Pereira e Sandro Penelú, o único jornal de cultura da região, um veículo que, anos mais tarde, seria imitado por praticamente todos os setores da imprensa local, efervescendo definitivamente a vida cultural da cidade, incentivando produtores e artistas a mostrarem seus trabalhos.
Hoje, lido por pessoas de todos os recantos no mundo, graças à Internet, o Informativo Cultural segue cumprindo o seu papel de divulgar e valorizar a cultura e os artistas de Feira de Santana - Bahia.
Na foto, a equipe de colaboradores do IC. Da direita para a esquerda: Giovanni, Alessandro, Tião Pereira (o idealizador do projeto) Cristiane e Penelú.




2 comentários:

  1. Meu caro amigo/irmão Sandro Penelu, fico feliz em saber que continuas com as mesmas idéias, pensamentos e projetos de anos atrás. Neste momento me veio à mente grandes lembranças do passado. É como se fosse um filme sendo exibido numa tela de cinema. E você também fez parte desse enredo, pois naquela época estávamos juntos com Braga e Cesar fazendo os primeiros informativos, na cidade de Amelia Rodriguesm. Foi muito bacana. Parabéns! Ivan Ataide.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Realmente, Ivan! Grandes momentos vivemos na nossa querida Amélia Rodrigues, começando a dar os primeiros passos no jornalismo. Abração!

      Excluir